Ruiva 27-12-12

Oi...tudo bem com vocês? Como foi o Natal de vocês?
 Bom..eu já disse no capítulo anterior como foi o meu Natal né..então..espero que o Ano Novo seja melhor,até porque vou viajar para Ituiutaba,minha família vai estar toda reunida depois de 12 anos,e vamos ver no que vai dar né..espero que dê tudo certo lá!
  É..hoje eu vim contar sobre minha noite/madrugada de ontem,tipo,eu e o  ''meu garoto'' nos desentendemos de novo..hontem eu estava meio,sensível sabe..e precisava que ele demostrasse que estava do meu lado,me mostrasse que eu não estou sozinha sabe?! Mais por esse motivo a gente acabou discutindo,eu fiquei um pouco alterada quando percebi que ele queria controlar minhas manias,mais é que sei lá..não estou acostumada a mudar por ninguém...mais essa questão de mudar é tão confusa pra mim.Ás vezes penso que quem ama deve gostar da outra pessoa do jeito que ela,por outro lado já penso que quem ama muda..aaaaah não sei.Só sei que me ''assustei'' um pouco e acabamos discutindo.No fim eu disse que se quando ele aprendesse gostar dos meus defeitos e das minhas manias,ele podia me ligar,ai ele disse :ta bom..e ficamos em silencio no celular por alguns instantes,e foi quando eu disse pra ele desligar e ele simplismente desligou..tipo,ãããn??? Era pra ele demostrar que esta do meu lado e tentar me acalmar mais...ele desligou..no começo eu senti vontade de chorar,mais me mantive forte e me lembrei da promessa que eu fiz pra mim mesma(Não quero chorar,não quero sofrer por ninguém) e tentei me segurar,então mandei uma sms pro meu melhor amigo e nós começamos conversar..ele foi me acalmando aos poucos,e resolvi mandar uma sms pro ''meu garoto'' mais ele só respondeu a primeira sms e eu resolvi deixar pra lá. Continuei conversando com meu melhor amigo e ele me aconselhou a resolver toda essa situação com o ''meu garoto'' e eu tinha resolvido que se ele não desse sinal até a meia noite eu iria abri mão de tudo..pois é,eu franquejei,na segunda briga que tivemos eu já pensei eu desistir de tudo...eu sei,eu sou fraca,mais é que,eu não quero sofrer..eu já sofri demais e não quero sofrer! Foi então que meu telefone tocou e era Ele,atendi um pouco sem saber o que dizer e ele perguntou se eu já estava melhor,e foi quando eu percebi que ele não tinha me ''abandonado'' no momento em que desligou o celular,ele só tinha..me dado um tempo pra mim ficar sozinha e me acalmar.. (eu sempre me precipitando) a gente conversou uns dois minutos e ele teve que desligar,finalizou a ligação dizendo que se ''desse'' ele me ligaria mais tarde,e sem dizer ao menos um ''eu te amo''(ele diz isso todos os dias ao final de cada ligação) isso me machucou um pouco,mais não tirei a razão dele..
  Depois eu sai do meu quarto e fui pro pc me distrair,e foi quando meu telefone tocou..putzzz já eram 22:45 mais ou menos..eu estava jantando e ele ficou de ligar depois,e foi isso que aconteceu,ele ligou depois nós conversamos um pouquinho e ele teve que desligar pra ir dormir..ele estava estranho comigo,e isso me deixava com medo sabe..é como se ele ameaçasse me deixar,não sei explicar como me sinto quando ele diz estar pensativo..3845976 coisas passam na minha cabeça quando ele diz isso.
 Quando já estávamos quase desligando minha mãe apareceu na porta do meu quarto..(puttz,fudeu) ,me controlei e tentei agir naturalmente,minha mãe fez uma ceninha (como sempre) e pediu pra mim desligar,desliguei e ele já veio me encher o saco..dizendo que namorados que conversavam no telefone tarde da noite,e blá blá blá..e voltou a  me perguntar se eu estava namorando ele..e eu só respondi:eu e ele nao temos nada,AINDA!(berrei o Ainda e ouvi meu primo e o namorado dele rirem da cozinha) não sei como criei coragem pra dizer esse ''ainda'',mais sei la´,acho que já estou cansando das alugações da minha mãe..
  Ela saiu do quarto e eu continuei ali com minha irmã,alguns segundos depois..meu primo e o namorado dele apareceram ali  e ficamos rindoe  conversando por um tempo,depois fui para o computador e minha mãe me chamou juntamente com meu padrasto!
  Fui até a sala e me sentei..e meu padrasto começou conversar comigo(nossaaaaa...estranhei viu?ele nunca foi de conversar comigo e com minha irmã) ele começou me fazer algumas perguntas e eu fui respondendo normalmente,e minha mãe começou me fazer perguntas também..tipo,minha mãe tinha contado uma história totalmente diferente da minha pro meu padrasto.Ele escutou a versão dela e a minha versão..e minha mãe insistia em dizer que queria que o ''meu garoto'' viesse aqui em casa,pra que eu não sei né? Mais segundo ela,era pra saber quais são as intenções dele comigo..e meu padrasto interrompeu dizendo que queria saber quais são as minhas intenções com o ''meu garoto'' e eu disse que queria namorar com ele,mais minha mãe não deixava,minha mãe começou com mais sermão e eu fiquei na minha,caladinha(tipo,me estranhei MUITO) ,e ela insistiu que quer que o ''meu garoto'' venha aqui em casa..de boa,conversei com ele hoje e parece que ele aceitou vir aqui..ele ficou meio preocupado no começo,mais tipo,eu não vou deixar minha mãe fazer nada contra ele,e ela também sabe que se fizer alguma coisa com ele vai me afetar né?Mais creio que ela não vai fazer nada além de perguntas..é,essa pode ser a minha chance de ficar com ele numa boa,e seja o que Deus quiser.
  Estou esperando um pouco pra confirmar com ela sobre ele vir aqui hoje...e então,poder confirmar com ele..é seja o que Deus quiser,me desejem sorte? hahahahaha'
    Bom..acho que mais tarde eu entro pra contar o que aconteceu ok?
        Beijos e até a próxima (:

Share this:

JOIN CONVERSATION

    Blogger Comment

0 comentários:

Postar um comentário